Suas perguntas sobre monitoramento de nuvem respondidas: o quê, como, por quê e recomendações

O que é monitoramento de nuvem?

O monitoramento de nuvem é um processo de revisão, monitoramento e gerenciamento que controla o fluxo de trabalho na nuvem. Ele pode utilizar serviços ou ferramentas de monitoramento manuais e/ou automatizados para atestar que a nuvem está operacional.  

Esse processo baseado em segurança e gerenciamento se tornou fundamental para as empresas que dependem da tecnologia de nuvem. Pode ser implementado como software automatizado, oferecendo aos administradores de nuvem uma visão completa da integridade e do desempenho da nuvem. 

O monitoramento de nuvem pode executar os seguintes recursos:

  • Monitorar dados de nuvem em locais distribuídos
  • Eliminar possíveis violações através da visibilidade de arquivos, aplicações e usuários
  • Monitorar a nuvem continuamente, para garantir varreduras de arquivos em tempo real
  • Auditoria e relatórios regulares para garantir os padrões de segurança
  • Combinar ferramentas de monitoramento com diferentes provedores de nuvem
Monitoramento de nuvem

Serviços em nuvem que você deve monitorar

Embora muitas empresas utilizem o monitoramento de nuvem para oferecer suporte e gerenciar nuvens públicas como AWS ou Azure, existem outros serviços de nuvem que também podem se beneficiar do monitoramento. Mesmo que os serviços a seguir possam ser monitorados por meio de ferramentas e serviços de monitoramento de aplicações, o monitoramento em nuvem oferece mais proteção e insights mais detalhados. 

Abaixo há uma lista dos serviços de nuvem que devem ser incluídos no checklist de monitoramento de nuvem:

  • Soluções de SaaS, como Microsoft Office e Salesforce.
  • Soluções de PaaS, como o Microsoft SQL.
  • Servidores IaaS hospedados por provedores de nuvem pública.
  • Aplicações sem servidor FaaS.
  • Hospedagem de aplicações para serviços como o Heroku.

Como funciona o monitoramento de nuvem?

Para entendermos como o monitoramento de nuvem funciona, primeiro devemos examinar as ferramentas utilizadas. As primeiras ferramentas, e mais comumente utilizadas, ficam no local e são fornecidas pelo provedor de nuvem. Muitas empresas escolhem essa opção, pois ela já vem com o serviço de nuvem, portanto, não é necessário qualquer instalação e a integração pode ser feita facilmente.

A outra opção é usar ferramentas independentes fornecidas por um provedor de SaaS. Essa também é uma opção viável, pois os provedores de SaaS são especialistas em gerenciar o desempenho e o consumo de custos de uma arquitetura em nuvem. No entanto, às vezes, essa solução pode apresentar problemas de integração e custos mais altos.

Independentemente das ferramentas de monitoramento de nuvem que você escolher, os dois tipos executam a mesma função: verificam se há problemas na nuvem que possam impedir a empresa de entregar um serviço ou produto aos seus clientes. Para isso, essas ferramentas oferecem dados sobre os seguintes comportamentos:

Como funciona o monitoramento de nuvem
Segurança cibernética

Segurança cibernética

À medida que o número de ataques cibernéticos aumenta, é importante que os serviços de monitoramento de nuvem detectem possíveis violações, identifiquem falhas de segurança e protejam a rede bem antes que um ataque aconteça.

Erros

Erros

Sejam os erros humanos ou de máquina, um serviço de monitoramento de nuvem deve detectá-los e corrigi-los para manter os padrões de desempenho. Como resultado, esses erros não ficam visíveis para o usuário final, e as empresas podem desfrutar de melhores vendas e retenção de clientes.

Agilidade

Agilidade

A solução de problemas instantânea e a entrega rápida de produtos são o padrão do mercado acelerado moderno. Para otimizar o site e as aplicações de uma empresa, o monitoramento de nuvem fornece métricas e dados valiosos sobre a velocidade da nuvem.

Como o monitoramento de nuvem funciona com diferentes tipos de nuvem

Embora os serviços de monitoramento de nuvem sejam importantes para todos os tipos de arquiteturas de nuvem, a maneira como operam difere de um para o outro. 

As nuvens privadas são, de longe, as arquiteturas mais simples de monitorar. Graças ao controle e à visibilidade de uma infraestrutura local, as empresas mantêm o acesso a sistemas e software. Embora esse modelo ofereça maior controle, o monitoramento de nuvem desempenha uma função importante, monitorando o desempenho da rede e dos workloads, além de fornecer aos arquitetos de nuvem as informações necessárias para configurar ou alterar os processos da nuvem. 

As nuvens públicas oferecem muito menos visibilidade, o que torna seu monitoramento fundamental. Embora o processo não seja tão fácil, o monitoramento de nuvem pode fornecer dados importantes sobre o consumo de recursos da nuvem, a experiência do usuário final, além de oferecer maior visibilidade e controle sobre métricas, registros e fluxos fundamentais. Isso é particularmente importante, pois as nuvens públicas têm maior probabilidade de gerar taxas surpresa devido a visibilidade baixa. 

Por fim, existem dificuldades específicas de uma arquitetura de nuvem híbrida que as ferramentas de monitoramento de nuvem são capazes de minimizar. Como os dados da nuvem não residem em uma única arquitetura, podem surgir problemas de segurança e compliance quando os usuários tentam acessar dados da nuvem pública ou privada. Nesse caso, o monitoramento de nuvem pode ajudar os administradores a determinar a nuvem ideal para armazenar cada conjunto de dados, quais devem ser atualizados de forma assíncrona, além de dividir os dados em partes menores e gerenciáveis. 

Benefícios do monitoramento de nuvem

O monitoramento de nuvem oferece diversos benefícios. Mesmo as empresas que dependem exclusivamente de uma arquitetura de nuvem privada podem aproveitar os principais benefícios do monitoramento de nuvem, incluindo:

  • Melhora na segurança de redes e aplicações em nuvem
  • Implementação simplificada de planos de continuidade, permitindo a correção proativa dos riscos (em vez de reativa)
  • Desempenho ideal das aplicações alcançado e mantido
  • Otimização da disponibilidade do serviço graças à identificação e resolução rápida dos problemas
  • Redução de perdas econômicas relacionadas à nuvem com visibilidade total da arquitetura
  • Dimensionamento simples em caso de aumento da atividade da nuvem
  • Usabilidade em vários dispositivos, garantindo o reconhecimento da nuvem em todos os momentos
Benefícios do monitoramento de nuvem

Práticas recomendadas para monitoramento de nuvem

Ao implementar um serviço de monitoramento de nuvem, siga as práticas recomendadas a seguir para aproveitar ao máximo todos os benefícios.
  1. Decida quais atividades precisam ser monitoradas. Escolha as métricas mais importantes para seus resultados. 
  2. Consolide seus dados de relatório em uma única plataforma e elimine a confusão e complexidade relacionadas ao gerenciamento de vários serviços de nuvem e infraestruturas. Sua solução deve ser capaz de reunir dados de várias fontes em uma única plataforma, permitindo que você calcule suas métricas de forma mais completa. 
  3. Acompanhe as taxas de assinatura e serviço. Quanto mais você usar seu serviço de monitoramento de nuvem, mais caro ele ficará. Ao optar por um serviço mais avançado, você poderá acompanhar o nível de atividade na nuvem e determinar os custos com base nessas informações.
  4. Saiba quais usuários estão usando quais aplicações em nuvem para garantir que a responsabilidade seja rastreada. Você também precisará saber o que esses usuários veem quando usam determinadas aplicações, monitorar o tempo de resposta, a frequência de uso e outras métricas em geral.
  5. Automatize regras usando os dados certos para identificar quais atividades ultrapassam os limites estabelecidos e quais não, garantindo que você possa adicionar ou remover servidores para manter um nível consistente de desempenho.
  6. Separe seus dados de monitoramento de suas aplicações e serviços, centralizando essas informações para garantir que seus stakeholders tenham acesso fácil.
  7. Teste suas ferramentas de monitoramento de nuvem regularmente. Embora um serviço possa parecer operacional, uma interrupção ou violação realmente o colocará à prova, então teste suas ferramentas para garantir que não haja surpresas.

Recursos relacionados

Alt

Nutanix Beam para governança multicloud

Alt

Segurança multinuvem para inciantes

Gestão inteligente de tags para governança da nuvem

Gestão inteligente de tags para governança da nuvem

4 sinais essenciais sobre a integridade e o desempenho de aplicações

4 sinais essenciais sobre a integridade e o desempenho de aplicações

Relatório Nutanix Cloud 2019

Relatório Nutanix Cloud 2019

Alguns clientes que utilizam o monitoramento de nuvem

Alt

Jitterbit

Alt

UCSD

Hitachi Systems Micro Clinic

Hitachi Systems Micro Clinic

In Loco Media

In Loco Media

Introdução à infraestrutura hiperconvergente (HCI)

Vamos começar!

Agende uma demonstração personalizada com um consultor de soluções e veja como o Nutanix Enterprise Cloud pode transformar seu negócio.